Obras

Autora dos livros:

* Anunnakis, os Deuses Astronautas - Editora Madras
* A Conspiração Anunnaki - Editora De Geneve
* Ouro de Ofir - Alquimia do Antigo Egito - Editora De Geneve
* Efeito Exillis - O Segredo das Sociedades Secretas
* Mito - Livro de Poesias
* Operação Rhesus - Em busca do Elo Perdido ( Recém lançado. Maio 17)
* 2162 - O Código Secreto de Hitler

À VENDA NAS LIVRARIAS SARAIVA, AMAZON.

sábado, 6 de fevereiro de 2010

O mistério dos "Crop Circles" - Extraterrestres se comunicando conosco??


Nesse momento está ocorrendo um fenômeno extremamente misterioso, intrigante e inexplicável nos campos de plantações de trigo, na Inglaterra. Comunidades científicas do mundo todo, os melhores físicos, ufólogos, astrônomos, estudiosos e pesquisadores do assunto, a "nata científica mundial" se encontra em permanente vigília nos campos de plantações de trigo da Inglaterra, registrando, analisando e presenciando o fenômeno acontecer. Entretanto, o que tem também intrigado esses pesquisadores é a forma unânime de governos de vários países “abafar” a divulgação desse fenômeno pela mídia, uma verdadeira conspiração, incluindo o Vaticano que não tem se pronunciado, provavelmente até pagando pessoas para assumir a autoria desses desenhos, tudo para ridicularizar o fenômeno e os pesquisadores, mantendo a população mundial desinformada e completamente alheia ao fenômeno chamado de "Crop circles", os complexos círculos das plantações.

Apesar da tentativa deliberada de desacreditar o fenômeno, os estudiosos que lá se encontram afirmam que a maioria dos círculos possui características que não poderiam ser reproduzidas por seres humanos. Além das seguintes propriedades descritas abaixo:
(1) Presença de quantidades anormais de radiação eletromagnética;

(2) Hastes das plantas dobradas e não quebradas;

(3) Alterações biofísicas nas plantas;o vortex energético que dobra os caules das plantas não os amassa, quebra ou queima, simplesmente os inclina em movimentos ondulantes, circulares ou espiralados, fazendo com que eles continuem se desenvolvendo normalmente. Os caules chegam a ser entortados até 90º, em um ponto entre 20 e 80% da sua altura total. Algumas vezes, plantas situadas lado a lado são inclinadas em direções opostas, sem que algumas sequer sejam quebradas (o que acontece ao se tentar desentortá-las). Análises físico-químicas mostram um aumento de radiação que altera o compasso da bússola e um enriquecimento do solo em hidrogênio, como se tivesse recebido uma forte descarga elétrica.

(4) Aparelhos elétricos e magnéticos como câmeras, bússolas e celulares que não funcionam no interior dos círculos.Os radiestesistas confirmam a presença de intricados padrões energéticos dentro e ao redor dos círculos, além de anomalias magnéticas.

Outras características relatadas por testemunhas incluem alterações do espaço-tempo no interior dos círculos (documentadas por fotografias e relógios que param, depósitos microscópicos de material de meteoritos e sensações de desconforto, como tonturas e vômitos, no interior dos círculos.

As teorias sobre quem estaria criando os círculos "genuínos":

(1) Os Círculos são criados por extraterrestres ou "inteligências superiores";
(2) Os Círculos são criados pela própria Terra, que seria uma entidade viva (chamada de Gaia) provavelmente através de vórtices de vento ou plasma;
(3) Os Círculos são criados espontaneamente por uma espécie de força geo-magnética;
que parecem ter sido criados em questão de minutos ou até mesmo segundos.

A teoria dos vórtices de vento ou "energias de plasma" como um fenômeno meramente meteorológico esteve muito em voga durante o início do fenômeno. Segundo as testemunhas do fenômeno, os círculos são feitos em questão de minutos por luzes que aquecem o campo de plantação, aplainando todas as plantas.
Assim muitos vêem na geometria intricada dos círculos uma linguagem através da qual se transmite uma variedade de complexas informações tais como símbolos representando deuses e deusas, símbolos genéticos, códigos de viagem no tempo, arquétipos cósmicos, circuitos elétricos, dispositivos espaciais, símbolos astronômicos e astrológicos e até mesmo "insígnias do povo das estrelas".
A questão é a seguinte: QUEM ESTÁ QUERENDO SE COMUNICAR DESSA FORMA? O QUE ESTÁ QUERENDO DIZER? PORQUE AS AUTORIDADES E MIDIA NÃO TOMAM CONHECIMENTO?

Por mais que céticos afirmem que esses círculos são forjados por seres humanos (bem ou mal intencionados), apesar do plantão permanente de centenas de cientistas no local presenciando o fenômeno, o progressivo aumento na quantidade e complexidade das figuras se torna claro e evidente que os enigmáticos desenhos jamais poderiam ser feitos por mãos e recursos humanos. A cada nova e intrigante figura que surge nos campos, aumenta a certeza de que existe uma forma de inteligência sobre-humana e uma energia desconhecida como causas que produzem esse fantástico fenômeno.
Já existem registros do aparecimento desses misteriosos círculos nas plantações inglesas em 1647, mas só foram largamente relatados em 1972. Geralmente eles aparecem em lugares onde se cruzam linhas magnéticas da terra (não por acaso fica por ali o sítio megalítico de Stonehenge).
Cerca de 90% dos círculos genuínos surgem quase sempre nas mesmas áreas, perto de sítios sagrados, muitas vezes sendo precedidos ou acompanhados de sons e luzes misteriosas. As aparelhagens têm encontrado a presença de uma energia desconhecida, que produz mudanças a nível genético nas plantas e nas sementes. As pessoas que permanecem dentro das formações relatam alterações em todos os níveis – espiritual, mental, energético, emocional e físico, representadas por experiências transcendentais, expansão de consciência, projeção astral, regressão espontânea, clarividência e emoções diversas.
No início, as formações eram simples circunferências, mas agora se tornaram duplas, triplas, quíntuplas, figuras anelares, triangulares, ovais, espiraladas.
Ultimamente têm aparecido pictogramas e estrelas fractais com simbolismos complexos, geométricos ou místicos, associados com diversos caminhos espirituais, conceitos filosóficos ou científicos (astronômicos, físicos, matemáticos). A simetria e as dimensões das figuras são extraordinárias, alguns desenhos medem centenas de metros e não se repetem.
o astrofísico Bernard Haisch, do Instituto de Física e Astrofísica da Califórnia disse que "esses padrões altamente organizados e inteligentes não poderiam ser criados pela força da natureza".
Em um desses programas do canal Infinito, um pesquisador de círculos foi mostrar um desses desenhos ao chefe da tribo Hopi (indígenas dos EUA) e ele mostrou que tinha o mesmo desenho, tradição de seus antepassados. E explicou que esses eram avisos dos "deuses" para uma época de grandes mudanças na Terra. Que Stonehenge teria sido um outro aviso desses, gravado em pedra para que passasse às próximas gerações, e que dessa vez estava sendo gravado em plantas (perecível) porque não seria preciso alertar uma próxima geração de outra mudança dessas.
Hopi viu os símbolos e disse: "Eu conheço esse símbolo milenar como parte da profecia Hopi, um símbolo que anuncia o retorno do Povo das Estrelas. Eles já estão aqui". Isso nos dá o que pensar. Então, todos esses sinais poderiam ser um alfabeto de um "Povo das Estrelas", ou um símbolo de sua chegada?
No Vajrayana, uma parte importante da prática mágica no ocidente consiste na elaboração de símbolos geométricos que tanto podem ser construídos fisicamente quanto visualizados na imaginação; e nessas meditações tântricas o praticante visualiza a forma de um deus para, em seguida, fundir sua consciência com a da divindade.

Referência bibliográfica: Reportagem da Revista UFO; Mais sobre os círculos; Crop circle connector; The Crop circular; Crop circle news;Circles: meaning and connections with dreams;Fotos de centenas de círculos.

O fato é que, esses sinais inequívocos ao grupo de vigília, as mandalas ou círculos nos campos de trigo devem indicar o aviso para que a humanidade se prepare para as mudanças que o mundo terá em breve. Estamos às portas da quarta dimensão. Por favor, não venham pensar que estamos no final do mundo e que o mesmo irá se acabar. Concordo que estamos atravessando uma crise climática, entretanto, não indica absolutamente o final do mundo, mas a "transição" para um mundo melhor. Se você adotar essa forma errônea e negativa de pensar, você estará contribuindo mentalmente de forma negativa com a mente coletiva e isso contribuirá com a crise climática.
Pensar de forma recorrente gera energia negativa, pois a física comprova que não há intervalo entre mente e matéria, portanto uma mente produtiva gera realidade.
Portanto, vamos mentalizar de forma positiva e libertadora para a humanidade. Vamos nos livrar da nossa capacidade de ser cético e começar a fazer o bem e pulverizar mais a justiça e o amor.
Lembrem-se: estamos às portas da quarta dimensão. Vamos receber o Cristo vivo dentro de nós, pois é essa a transformação pessoal que o momento exige. Paz a todos!
Anabel Sampaio 6/2/2010

2 comentários:

maya disse...

Saberia indicar livros onde o assunto seja tratado, inclusive contendo as imagens dos lindos desenhos? Abraços, Maya. (mblannco@ymail.com)

Luiza disse...

Meu nome é luiza beda,tenho 11 anos,gostei muito do seu blog,mas percebi que ainda faltam algumas coisas que eu sei,que eu acho que seria legal vc colocar,isso poderia impressionar as pessoas.Vou mandar um video de como se fazem os crop circles:http://www.youtube.com/watch?v=Qc9s_47SP2c
E também vc poderia pesquisar sobre os caixões da fema.os onibus da fema e também sobre os comercial,e sobre oque eles querem fazer.Outra coisa que eu não sei se vc já tem,são as piramides submersas do japão.Você já viu?
E também sobre a pedra de dropa e a pedra de ica,e as esferas sulcadas.
Espero que vc coloque no seu blog.
Eu gostaria de saber qual é seu plano para 2012 se aconrtecer,vc já viu os novos mapas depois de 2012?
abraços,Luiza.
:)