Obras

Autora dos livros:

* Anunnakis, os Deuses Astronautas - Editora Madras
* A Conspiração Anunnaki - Editora De Geneve
* Ouro de Ofir - Alquimia do Antigo Egito - Editora De Geneve
* Efeito Exillis - O Segredo das Sociedades Secretas
* Mito - Livro de Poesias
* Operação Rhesus - Em busca do Elo Perdido ( Recém lançado. Maio 17)
* 2162 - O Código Secreto de Hitler (novel - LANÇAMENTO EM JUNHO 17)

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Série literária: Efeito Exillis | EFEITO EXILLIS

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

O PROJETO HAARP - HIGH FREQUENCY ACTIVE AURORAL RESEARCH PROGRAM


No livro Efeito Exillis, a personagem Valentine sofre um rastreamento e a influência eletromagnética do Sistema HAARP. A Influência eletromagnética que pode provocar danos cerebrais devido à exposição de ELF (435 MHz a 1080 MHz) e VLF. Por isso, resolvi abordar aqui esse questionável projeto com base em algumas pesquisas que realizei.

O Projeto HAARP _ É um projeto de Pesquisa de Alta Frequência Auroral Ativa que foi idealizado pelos Estados Unidos da América (Pentágono) e utiliza uma tecnologia de ondas de rádio super-potentes que são capazes de aquecer as zonas da ionosfera, ampliando a natureza das comunicações de rádios por faixas longas. A Ionosfera é a camada da atmosfera superior que consiste em uma camada de plasma e que se estende de 35 milhas a 500 milhas sobre a superfície da Terra.

Esse projeto localiza-se em Gakona, no Alasca, a oeste do Parque Nacional Wrangell- San Elias. O local é considerado de importância estratégica para diversos fatores como: centralizar as comunicações entre paises, identificar os locais onde ocorrem o maior número de auroras boreais do mundo e onde se desintegram os meteoritos.

O projeto HAARP é conduzido pela Universidade do Alasca e gerenciado pelo DARPA, Defense Advanced Reserach Projects Agency (Agência de Projetos de Pesquisa Avançada de Defesa). Iniciou-se em 1993, sob o título de Experimento Científico de Comunicação e consiste em um instrumento apto a controlar a Ionosfera através de ondas eletromagnéticas que retornam à superfície terrestre, mofificando a composição molecular da região escolhida, ampliando as concentrações de ozônio, de nitrogênio e de outros gases, provocando o aquecimento ionosférico, além de que a emissão de alta frequência do HAARP pode incidir sobre os seres humanos provocando vários efeitos maléficos ao organismo humano, como também danos gravíssimos à Ionosfera e ao campo magnético terrestre.

Se um instrumento é capaz de controlar a Ionosfera, ele também é capaz de alterar o clima em diversas regiões do planeta, "bloquear" ou "controlar" o sistema de comunicação, mapear imagens subterrâneas, além de induzir pessoas a comportamentos estranhos.

O HAARP pode influenciar o comportamento humano através de ondas de interferências magnéticas (Emi Electro magnetic interference), desde que é capaz de operar na mesma faixa de frequência baixa do cérebro humano, inclusive, possibilitando que seus operadores enviem pensamentos dirigidos diretamente à cabeça das pessoas,uma espécie de manipulação mental, excitando, deprimindo, induzindo rendição, obediência, suicídio, etc.

Suas ondas podem também desabilitar equipamentos de comunicação eletrônicos, utilizando pulsos eletromagnéticos controlados (EMP: electro magnetic pulse).
Podem causar terremotos usando freqüências de som que causem ressonâncias nas placas tectônicas. Teoricamente é possível produzir terremotos ou pontos de ruptura por microondas, através da expansão das moléculas de água do interior das rochas.

Além de ter uma tecnologia capaz de criar uma super-arma eletromagnética, de promover modificações climáticas que comprometeriam o meio ambiente global. O HAARP é considerado um protótipo para um sistema de armamento sem precedentes no planeta. Existem investigadores que consideram o HAARP como um protótipo do Sistema Guerra nas Estrelas, possuindo radares de longo alcance, capaz de destruir mísseis intercontinentais, queimar circuitos eletrônicos de satélites espiões ou derrubar redes de comunicação de rádios inimigos.

Como questiona esse video: TERREMOTO NA CHINA FOI PROVOCADA PELO SISTEMA HAARP?
http://humbertocapellari.wordpress.com/2008/06/05/terremotos-na-china-foram-provocados-pelo-sistema-haarp-video-de-10-minutos-em-ingles/
Coincidentem/ esse video antecede minutos antes do terremoto na China, um efeito de Aurora Borealis
http://www.youtube.com/watch?v=hzVamNQzfYA

O Projeto HAARP iniciou-se na década de 90 e foi financiado pelo Pentágono, está sob coordenação da USAF ( United States Air Force) através da universidade do Alasca ( em Gakona ) ( http://www.haarp.alaska.edu/ ) e da USNAVY através do Naval Research Laboratory (http://server5550.itd.nrl.navy.mil/projects/haarp/index.html)
Para fins militares o Haarp teria várias aplicações, por exemplo: inutilizar equipamentos eletrônicos do inimigo, detectar mísseis e aviões de baixo nível, detectar depósitos subterrâneos de armamento de um país inimigo ou armas nucleares, novo sistema de comunicações entre submarinos, etc.

As instalações do HAARP estão cercadas por arame farpado e consistem em 180 antenas organizadas em 15 colunas, com 12 antenas em cada uma, numa área limpa da floresta negra que se estende por centenas de milhas pelo Alasca. Concluído em dezembro de 1994 e agora sendo testado, o campo de antenas é a parte visível de um poderoso e sofisticado transmissor de rádio de alta freqüência.
Por meio dessas antenas HAARP podem transmitir bilhões de watts de energia para a atmosfera, fazem ferver a ionosfera transformando-a numa "antena", e enviam reflexos de volta para a Terra. Enviam para o alto ondas ELF, de freqüência ultra baixa, mas elas regressam em ondsa longas, podem posteriormente enviar enormes quantidades de energia para onde queiram. Parece que querem aumentar o número dessas antenas para 361 antenas.

Os EUA investiram dezenas de milhões de dólares para essa tecnologia de tomografia de penetração da terra, intensas radiações podem usar-se para observação da terra a km de profundidade ( para encontrar bases subterrâneas de armamento, etc). Porém, essas freqüências elevadas perturbam as funções cerebrais humanas.
O próprio "Airpower journal" em 1996 disse que o exército americano está a desenvolver armas psicotronicas e eletrônicas, não letais, para afetar humanos.
FONTE: http://www.fimdostempos.net/haarp.html


De acordo com o gerente do programa, John L Hecksher, do Laboratório de Phillips na Base da Força Aérea de Hanscom, Massachusetts, as aplicações militares em potencial desta pesquisa HAARP incluem o desenvolvimento de um detector de cruzeiro para projéteis e comunicação com submarinos para o Departamento de Defesa . " Embora HAARP esteja sendo administrado pela força aérea e Marinha, é puramente uma instalação de pesquisa científica não oferece nenhuma ameaça a adversários potenciais e não tem nenhum valor como um objetivo do exército", diz ele. Mas esta é só a parte publicamente anunciada do programa.

HAARP também tem um programa de trabalho secreto que consiste em encontrar metas militares mais exóticas como localizar fábricas de armas profundamente enterradas milhares de milhas - E ALTERAÇÃO ATÉ MESMO DO CLIMA LOCAL SOBRE UM TERRITÓRIO DE INIMIGOS.
Um documento interno de 1990, obtido por Ciência Popular, diz que as metas globais para os programas são as de controlar processos ionosféricos de um modo tal que melhore grandemente o desempenho do comando militar, CONTROLE, e sistemas de comunicações". E fornece uma descrição das aplicações seguintes:

* Injetar energia de freqüência alta de rádio na ionosfera para criar uma grande freqüência , extremamente baixa (ELF) utilizando as antenas para uma virtual topografia penetrante da Terra --perscrutando profundamente sob a superfície do chão, colecionando e analisando ondas ELF refletidas que se irradiaram de baixo acima.

* Aquecer as Regiões da ionosfera inferior e superior para formar Lentes " virtuais " e " espelhos " que possam refletir uma grande faixa de freqüências de rádio distante em cima do horizonte e descobrir projéteis de mísseis e aeronaves furtivas.

* Ondas de rádio ELF geradas na ionosfera para comunicação a grandes distâncias com submarinos profundamente submersos. E os documentos arquivados das patentes durante uma pesquisa de um esforço anterior que evoluiu mais adiante no programa HAARP esboçam as aplicações militares da tecnologia do aquecimento ionosférico:

* Criar uma " Proteção Global" completa capaz de destruir projéteis balísticos, aquecendo demais os sistemas deles de orientação eletrônica na medida em que voam por um poderoso campo de rádio-energia.

* Distinguir entre as ogiva de combate nucleares e os chamarizes sentindo a composição elementar deles.

* Nota publicada em 1995 sobre a MANIPULAÇÃO DO CLIMA LOCAL: Quando a instalação HAARP estiver construída completamente, vai incluir vários sensores e sistemas de análise. O seu coração é o campo de antena que agora (1995) é uma versão de demonstração de uma ordem planejada maior nomeada Instrumento de Pesquisa Ionosférica (IRI) que incluirá 360 antenas. O IRI é projetado para modificar temporariamente remendos da atmosfera superior de 30 milhas de diâmetro excitando, ou aquecendo os elétrones constituintes deles e íones com raios focalizados de poderosa energia de rádio.

Uma analogia doméstica seria um forno de microonda que aquece comida excitando suas moléculas de água com energia de microonda. Lentes virtuais e espelhos serão gerados dentro da ionosfera, e se o IRI funcionar como planejado, ao esquentar um remendo precisamente da ionosfera inferior, o IRI reduz sua densidade relativa para a atmosfera circunvizinha. Uma " Lente Ionosférica " assim formada pode focalizar um raio de rádio na ionosfera superior.

Normalmente, quanto mais altas as ondas de rádio-freqüência se radiodifundem do chão, mais é absorvido ou espalhado na ionosfera inferior, e poucas delas alcançam as tais altitudes. Logo o raio de rádio focalizado excita um remendo da ionosfera superior para formar um espelho virtual.

Finalmente, uma rádio comunicação radiodifusão notável pelo IRI, focalizada pela a lente e refletida pelo espelho pode ser dirigida bem acima do horizonte.
FONTES: http://www.doutrina.linear.nom.br/cientifico/Filosofia/Projeto%20HAARP.htm

Em relação a programação genética, a sugestão vai além do espectro de guerra biológica: sugere também a possibilidade de misturar ou rearranjar o nosso DNA. Este tipo de pensamento prevalece em certos dogmas da New Age, os quais indicam que a raça humana está passando por uma mudança transdimensional. Que anjos aparecerão para rearranjar nosso corpo de luz, de forma que você possa ressoar em uma oitava mais alta. Isto pode ser verdade, mas se anjos ou outros seres dimensionais estão fazendo isto, isto é muito teórico e sobrenatural. Se o governo secreto ou o complexo industrial-militar possui esta capacidade, nós estamos lidando com um cenário inegavelmente real. Seria real que as elitres estão intencionando manipular o DNA humano para evitar que o ser humanos migre para outra dimensão como afirmam tantas profecias para o ano de 2012?

Existe uma pesquisa séria que narra um caso de dano no revestimento de mielina em Susan Dare. Um efeito degenerativo observado nos casos de Multiple sclerosis, Esclerose Múltiplas, número de casos que vêm aumentando significativamente nos ´´ultimos anos.

Tudo isto significa que o sistema inteiro de Guerra nas Estrelas poderia ser usado para atacar nossos sistemas imunológicos e o bem-estar mental. Já sabemos que 400 a 450 MHz é a freqüência para a janela da consciência humana; e 435 MHz é a freqüência específica relacionada com a aparição de UFOs. Ela também provém da Via Láctea, e pensa-se que é a freqüência por trás de nossa realidade. O sistema Guerra nas Estrelas, ou pelo menos parte dele, transmite um sinal entre 1000 e 1200 MHz que é derivado de um raio de partículas baseado no nitrogênio. Este sinal é uma multiplicação de 435 MHz, a freqüência por trás de nossa realidade.

A programação genética sugere alguma coisa muito além do espectro de guerra biológica: sugere também a possibilidade de misturar ou rearranjar o nosso DNA. Este tipo de pensamento prevalece em certos dogmas da New Age, os quais indicam que a raça humana está passando por uma mudança transdimensional. Que anjos aparecerão para rearranjar nosso corpo de luz, de forma que você possa ressoar em uma oitava mais alta. Isto pode ser verdade, mas se anjos ou outros seres dimensionais estão fazendo isto, isto é muito teórico e sobrenatural. Se o governo secreto ou o complexo industrial-militar possui esta capacidade, nós estamos lidando com um cenário inegavelmente real. Há muitas possibilidades.

http://www.doutrina.linear.nom.br/cientifico/Filosofia/Projeto%20HAARP.htm

Uma outra possibilidade é que todo o projeto esteja sendo orquestrado para uma vasta experiência. Ele poderia ser para o melhor ou pior do contínuo [espaço]. Pode ser que os maus tenham planos, seja para entrar ou no mínimo subjugar toda a raça humana. Ao mesmo tempo, os bons, ou mestres ascenços, estão deixando-os agir até que possam pará-los no último minuto, e levar-nos todos para o próximo nível. Alguma variação deste tema também é possível. Há muitos diferentes mestres fantoches que poderiam estar envolvidos.
O Projeto HAARP está sob coordenação da USAF através da Universidade do Alasca (http://www.haarp.alaska.edu/) e da USNAVY através do Naval Research Laboratory (http://server5550.itd.nrl.navy.mil/projects/haarp/index.html).

OPINIÕES DE ESTUDIOSOS NO CASO:
Segundo Rogério Chola, no artigo USO DE ALTA TECNOLOGIA PARA FINS BÉLICOS-
O projeto denominado High Frequency Active Auroral Reserach Program (HAARP), começou com o título de "experimento científico de comunicação" e hoje está enquadrado na característica de "Estratégia / Inteligência Tática / Guerra Eletrônica". O objetivo seria o estudo da camada da atmosfera conhecida como Ionosfera. Hoje, sabe-se que a Ionosfera é uma camada de Plasma (o quarto estado da matéria e a susbtância mais comum que compõe o Universo conhecido). Esse estado é difícil de ser produzido e controlado em laboratório. Assim, a existência desta camada na Terra é uma excelente fonte de pesquisas e, claro, de "testes". Infelizmente, existem várias possibilidades com este projeto.
A Ionosfera tem a capacidade de permitir comunicações de longo alcance em alta e baixa freqüências, principalmente utilizada em sistemas militares e de vigilância. O Sol tem um efeito considerável sobre esta camada, através do "vento" solar (sun flares) e ejeção de massa coronal (CME´s), as popularmente conhecidas "tempestades solares", sendo capaz de provocar o total aniquilamento da comunicação via ondas eletromagnéticas (EM) em todo o planeta (vide o evento ocorrido em 03.08.1997, onde um "blackout" eletromagnético parou quase todos os EUA).
Outros fenômenos causados pela atividade solar são as "auroras" (eletrojatos ou "eletromotos") que podem alcançar a potência de milhões de ampères (intensidade de corrente elétrica) e provocar vários fenômenos, induzindo esta fantástica corrente elétrica através das "linhas de força" que formam a matriz (grid) eletromagnética terrestre.

Estes efeitos podem provocar desde mudanças no clima (com tempestades, furacões, relâmpagos) até mudanças no comportamento humano sob influência do forte efeito eletromagnético (EMI – Eletro Magnetic Interference). Modernas simulações realizadas em computadores da série Cray demonstram a enorme variação e turbulência que ocorre na Ionosfera durante uma "tempestade geomagnética solar". Enfim, se algo ou alguém pudesse controlar estes eventos, teríamos um poderoso instrumento capaz de alterar o clima em certas regiões, eliminar o sistema de comunicação de um país e induzir a comportamentos "estranhos" na população e o aniquilamento de equipamentos militares eletrônicos através de Pulsos Eletromagnéticos (PEM) controlados.
Mas o mais "curioso" e ao mesmo tempo assustador é que esse tipo de equipamento possibilita a utilização de transmissões/emissões de ondas eletromagnéticas de baixa freqüência / comprimento longo (ULF-ELF-VLF) é possível se detectar, mapear e gerar imagens de estruturas subterrâneas e inclusive criar um sistema de comunicação subterrânea que não é afetado por qualquer tipo de atividade de superfície. Isto seria feito invertendo-se as propriedades dos campos eletromagnéticos para se obter parâmetros geofísicos e imagens realísticas abaixo da superfície terrestre, com o objetivo principal de mapear estruturas feitas pelo homem ou artificiais. Bem, este assunto pode implicar em muitos desdobramentos que não entrarei em detalhes, mas, para reflexão, lembro que recentemente os EUA desenvolveram uma arma capaz de destruir instalações subterrâneas a grande profundidade.
Quanto ao fato de tal dispositivo poder provocar terremotos seria uma possibilidade, pois o som é uma freqüência que quando direcionada, potencializada e em estado "ressonante" com a estrutura que se deseja atingir, pode provocar o total aniquilamento de tal estrutura como se esta fosse feita de material frágil. Mas, aí seria outro tipo de onda eletromagnética não-ionizante (talvez uma faixa de microondas – SHF ou EHF). Sempre que me perguntam a respeito, lembro-me do filme protagonizado pelo Steve Segal – "Força em Alerta 2", onde um cientista dissidente inventa um satélite capaz de gerar pulsos localizados de microondas e assim provocar terremotos.

Outro dado interessante é que os efeitos eletromagnéticos estão ligados ao desenvolvimento da Magneto Hidrodinâmica (MHD), muito pesquisada pela Marinha como sistema de propulsão de seus submarinos das classes Los Angeles e Califórnia (ambos nucleares). Como sabemos, a propagação de ondas eletromagnéticas na água é prejudicada e, por isso, a transmissão entre bases na superfície e submarinos em águas profundas é feita através de ondas ELF.

Curiosamente, um episódio da série "Arquivo X" tratou especificamente desse efeito, que causava nas pessoas próximas de transmissores ELF da Marinha, uma irresistível vontade de ir numa direção específica de acordo com a propagação eletromagnética, como se estivesse seguindo um sinal. Quanto mais a pessoa andava na velocidade da onda, melhor se sentia, se parasse, tinha dores terríveis até morrer, com a "implosão" dos centros receptores do cérebro. Este episódio foi baseado em fatos reais! O seguinte link mostra uma comunicação endereçada ao DoD (Departament of Defense) dos EUA, pedindo o término imediato de projetos baseados em ELF em áreas civis:

http://www.fas.org/spp/starwars/congress/1998/s980625-dod-elf.htm

Vejam o parágrafo que trata de riscos para a saúde pública.
Recentemente, o Senado dos EUA aprovou uma verba de US$ 140 milhões para o programa de "guerra eletrônica" das Socom (Special Operations Command), nelas estão incluídos os escudos antimísseis Asat (Army Tactical Anti Satellite Technologies) e Haarp.
Também em data recente, o governo dos EUA liberaram bilhões de dólares para desenvolver novas armas para ganhar as guerras do novo século, segundo um alto funcionário do Departamento de Defesa. Estas armas não serão canhões, bombas ou balas, mas sim, um polêmico escudo antimísseis, cujo projeto e desenvolvimento devem custar US$ 7,9 bilhões. Funcionários do Departamento de Defesa explicaram que estas novas armas são lasers de alta energia, sistema de microondas e aeronaves cibernéticas, muitas das quais atuarão sem tripulantes, as denominadas UAV (Unmanned Aerial Vehicle), RPV (Remotely Piloted Vehicle) e Ucav (Uninhabited Combat Air Vehicle).

Um dos melhores lugares para se obter informação confiável (ainda e por enquanto) é o site da Federation of American Scientists (FAZ) http://www.fas.org, uma espécie de National Rifle Association (NRA) da ciência, daí seu forte poder de união e divulgação. É uma entidade de pesquisa séria e respeitada na comunidade científica.

Um ótimo link para se conhecer os projetos americanos é o do Intelligence Programs and Systems, em http://www.fas.org/irp/program/list.htm, e também o do Intelligence Collection Programs and Systems em http://www.fas.org/irp/program/collect/

Sobre livros a respeito desse assunto são:
- "The Lost Journals of Nikola Tesla : Haarp - Chemtrails and Secret of Alternative 4" - Tim Swartz;
- "Angels Don't Play This haarp: Advances in Tesla Technology" - Nick Begich e Jeane Manning;
- "Haarp : The Ultimate Weapon of the Conspiracy" - Jerry E. Smith;
- "Secrets of Cold War Technology: Project HAARP and Beyond" - Gerry Vassilatos;
- "The Earth's Ionosphere" - Academic Press - Kelley, M. C. – 1989;
- "Ionospheric Radio" - Peter Peregrinus Ltd - Kenneth Davies – 1990;
- "An Introduction to the Ionosphere and Magnetosphere" - J. A. Ratcliffe – 1972;

Outro trabalho que recomendo a leitura para quem quiser se aprofundar em UFOlogia Militar são:
-"Underground Bases and Tunnels - What Is The Government Trying to Hide?";
-"Underground Bases and Tunnels";

Escritos pelo dr. Richard Sauder, que tem demonstrado que nossa humanidade já possui grande tecnologia para escavar imensas instalações subterrâneas e aquáticas. Vale destacar que muitas das bases citadas neste trabalho estão em área de alta incidência de avistamentos de OVNI´s, o que corrobora a hipótese de que grande parte destes OVNI´s observados pode na verdade ser de procedência terrestre. Outro ponto de reflexão seria sobre eventuais alienígenas que se forem um pouco mais avançados também poderiam construir algo similar aqui ou em outros planetas. Maiores informações em:

http://ufos.about.com/library/weekly/aa011501a.htm?once=true e
http://www.sauderzone.com

Quem ler estes livros verá que caímos no que conversamos há tempos sobre o projeto Haarp (e os usos dessa tecnologia no mapeamento de estruturas profundas com ondas ELF) e as novas armas de profundidade para ser utilizadas a vários metros abaixo da superfície. Rogério Chola

terça-feira, 10 de novembro de 2009

VAMPIRISMO


Há momentos na história em que alguns temas parecem resgatarem o interesse de uma faixa etária, entretanto, esses mesmos assuntos, dependendo da faixa etária, começam a serem vistos com displicência e alegação de serem fantasmagóricos.

O incrível é que os assuntos são momentâneos. De repente, surge um filme, no caso o Crepúsculo. Em consequência há um "bombardeio" excessivo de especulações sobre o tema. Coincidência? Manipulação mental? O que impregna o ar e a mente das pessoas com a necessidade de saber sobre um tema específico?

Eu como escritora, digo que realmente existem "virus de assuntos" no ar. Algo que leva as pessoas a escreverem sobre isso ou mesmo fazer filmes ou tudo que possa alimentar a midia carente por determinado assunto.Da mesma forma, existe um "virus" no ar que motiva as pessoas a se interessarem pelo assunto. Frente a isso, a sensibilidade nos faz optar para pesquisar e escrever por esses assuntos, como se esses fossem virus que sem querer, acabamos por inocular em nossas mentes. Quer que eu seja sincera? Nós acabamos por escrever sobre esses assuntos até sem perceber que o assunto em questão está no "auge" das especulações.

No meu caso, o assunto sobre o filme Crepúsculo ainda não era a "febre". E não fugindo ao assunto do livro, eu citei no livro 1 do Efeito Exillis uma cena forte sobre um Anunnaki chupando o sangue de um homem. Também citei alguns rituais de Ordens Negras nas quais é utilizado o sangue humano de maneira muito comum. Não "sugando" diretamente o sangue das artérias ou veias de um homem, mas tomando o sangue que fica armazenado em jarros para que os integrantes de algumas Ordens diabólicas tomem durante os rituais. A cena é tragicômica, pois durante os rituais alguns homens doam seu próprio sangue e outros vão jorrando o conteúdo das seringas dentro desses jarros. ( Leiam em EFEITO EXILLIS, em breve nas livrarias).A explicação é que os Anunnakis( seres que atualmente vivem nas bases subterrâneas terrestres, pois seu planeta foi destruído por catástrofes) não podem se reproduzirem mais. Por isso, eles prolongam a sua espécie através de hibridações humanas e mesmo se alimentando de sangue por razões claramente explicadas no LIVRO EFEITO EXILLIS.

Lembrei-me de um fator de grande importância: A minha infância eu praticamente vivi na zona rural do sul de Minas. Eu me lembro de ter ouvido muitas histórias de meus avós e dos avós de amigos contando sobre lobisomens que chupavam sangue de animais durante as pastagens, no período da madrugada. Na época, isso causava um verdadeiro pânico na população e nos agregados das fazendas. Havia um rodízio de "encarregados" das fazendas fazendo vigilia durante as madrugadas. As narrações sobre as criaturas que vinham chupar o sangue dos animais no pasto eram terríveis! Quase todas contavam a mesma estória: Sempre um animal de feições inimagináveis se colocavam como sanguessugas de hábitos noturno.

Entretanto, atualmente esses relatos ainda são frequentes. E a opinião das autoridades a respeitos dos animais mutilados é que este fenômeno está associado a fanatismo religioso e a sacrifício de animais.

Fotos de animais vítimas de suposto vampiro (chupa-cabra)


Segundo a pesquisadora Moulton Hower, no artigo da Munfo (294), Não passou um ano sequer de 1979 à 1992 que ela não tivesse registrado um desses fenômenos macabros. Em suas pesquisa juntamente com o Dr John Altshule, Patologista e hematologista, as perfurações e cortes teriam sido feitas por um instrumento cortante super aquecido de origem desconhecida.
A ufologia americana, ao registra esses casos, notaram que alguns dias antes ou depois da morte do animal, teriam sido avistados ÓVNIS na região.
Casos documentados
*Em 25 de Janeiro de 1992, Em Oklahoma EUA, uma vaca apareceu morta com pequenos cortes de grande precisão cirúrgica, a policia ficou surpresa com a limpeza e falta de rastro. O caso foi registrado como ritual satânico.
*Em 3 de março de 92 em Okeman, três homens avistaram no céu objetos luminosos, logo depois foi encontrada uma vaca mutilada e sem sangue.
*Entre 14 de abril a 16 de junho, o casal Dorthea e Roman Verchomin encontraram seis vacas mortas em sua propriedade, em Alberta, no Canadá. Elas tinham tido seu sangue totalmente drenado. A Senhora Verchomim descartou a possibilidade de predadores terem atacado os bovinos e não acredita que qualquer seita satânica pudesse fazer um serviço tão perfeito, limpo e sem deixar pista.

O biomédico e ufólogo Daniel Rebisso Giese, documentou assustadores incidentes ocorrido no norte do Brasil, nos quais se misturam luzes no céu, contatos com extraterrestres, e criaturas que produziam o sugamento de sangue de humanos e de outros animais. Tudo isso está relatado em seu livro. Ele revela também o envolvimento da Força Aérea Brasileira na investigação no fenômeno "Chupa-cabra", que em 1977 na região norte levou inúmeros povoados ao pânico.

Fugindo um pouco dos animais encontrados mortos e dos Anunnakis e o que percebi de mais sério no culto ao vampiro, nos dias de hoje, deriva direta ou indiretamente do trabalho de Crowley e da corrente por ele vivificada. A esta altura alguns leitores devem estar pensando que os movimentos vampíricos X, Y e Z não tem nada a ver com Crowley. Aleister Crowley logo reconheceu o poder subjacente ao sangue e ao arquétipo do Vampiro, tanto em sua forma evolutiva quanto antievolutiva (Black Brothers). Suas descobertas mágicas, em especial o Livro da Lei, influenciaram inúmeras ordens mágicas, em especial a O.T.O., Ordo Templi Orientis, que estuda o saber Arcano nas suas mais diversas formas, inclusive na do Vampirismo.



CASAL FOTOGRAFADO POR DANIELLE BEDICS.

O vampiro é um personagem muito comum na literatura de horror e mitológica, existindo tantas versões do seu mito quanto existem usos desse conceito. Alguns pontos em comum são o facto de ele precisar de sangue (preferencialmente humano) para sobreviver, de não poder sair na luz do Sol, de se transformar em morcego e de poder ser posto em torpor temporário por uma estaca no coração. Segundo a lenda, os vampiros podem controlar animais daninhos e noturnos, podem desaparecer numa névoa e possuem um poder de sedução muito forte. Formas de combatê-los incluiriam o uso de objetos com valor sagrado tais como hóstia consagrada, rosários, metais consagrados, alhos, água benta, etc.

Histórias sobre vampiros são bastante antigas e aparecem na mitologia de muitos países, principalmente dos da Europa e do Médio Oriente, na mitologia da Suméria e Mesopotâmia, onde surge como filho de Lilith, se confundindo com Incubus. Contudo as referências mais antigas a seres vampíricos vêm do Antigo Egipto, destacando-se neste mitologia a sanguinária Sekhmet e o Khonsu do Pre-Dinástico, como é bem visível na tradição vampírica da Aset Ka.
Existe uma diversificação bibliográfica enorme que aborda o tema vampirismo.

ALGUNS CASOS BRASILEIROS:
17/Fev/2006 - 20:13
Na periferia de Belém ficaram famosos os casos de mulheres com marcas nos seios, supostas vitimas do “vampiro extraterrestre” que assustou alguns moradores.
Aurora Nascimento estava em seu quintal lavando louça do jantar quando foi atacada por uma forte corrente de vento frio. Em seguida uma forte luz de “cor vermelha variando para o amarelo escuro” a envolveu, deixando-a atordoada. Ao mesmo tempo sentiu “furadas”finas que eram dadas em seu seio. Em pouco Aurora conta que caiu ao solo, desmaiada. Segundo a mãe da vitima o líquido incolor que saía do seu seio (as picadas eram um pouco acima do seio direito) tinha o cheiro de éter.
Ao ser levada ao hospital, Aurora não foi atendida, voltou para casa, e seu estado piorou. Ao voltar ao hospital aplicaram-lhe um calmante. Porém, no dia seguinte, a jovem contorcia-se em seu leito, por causa das fortes dores de cabeça e não conseguia andar, pois suas pernas estavam enfraquecidas.
Nas marcas deixadas no seio de Aurora pelo suposto vampiro extraterrestre viam-se sulcos muito próximos e em número de oito, sendo que o que estava na extremidade e o seu oposto eram aparentemente fundos.
Aurora foi examinada pelo doutor Orlando Zoghbi, que deu uma explicação: “Elas foram feitas por unhas.” Contudo, como explicar os desmaios, as dores de cabeça, as vertigens esporádicas, o medo das testemunhas?

O doutor Zoghbi examinou também outras vitimas, todas de Belém, e deu seu ponto de vista ao jornal A Província do Pará:
“É sabido que as emoções nos graus profundos, como, por exemplo, o pânico, que ocorreu com as três pacientes que visitamos, fizeram com que as mesmas agissem de modo primitivo, com regressão aos primários padrões psicossomáticos de reação, correndo desordenadamente, gritando, com o raciocínio parcialmente inibido. Hodiernamente, os meios de comunicação sofreram um avanço técnico-científico de tal ordem que a maior parte da população do globo terrestre ainda duvida da maravilhas das façanhas do homem nesse campo. A maior prova ocorreu dentro dos Estados Unidos, quando o primeiro astronauta pisou na Lua. Levantaram-se vozes dizendo que o que foi mostrado na televisão não passava de um truque para enganar incautos. Observem que muitos dos que assim afirmavam eram pessoas que tinham até cursado faculdade (...) Observamos que a velocidade com que vêem se desenvolvendo as descobertas técnico-científicas provoca um descompasso nas mentes das pessoas menos dotadas, ocasionando o que podemos chamar de ‘embaralhamento de neurônios’, devido àquela avançar geometricamente e esta aritmeticamente...”

A verdade é que, segundo uma primeira observação, as lesões observadas nas pacientes atacadas pelo vampiro eram devidas às reações de horror, pois as mulheres instintivamente, num ato de proteção, levam as mãos aos seios e a ação motora, contraindo as mãos em garra, ocasiona as lesões nas glândulas mamárias. Entretanto, as marcas deixadas nas pacientes em hipótese alguma poderiam ser atribuídas às unhas, pois é quase impossível que as vítimas conseguissem provocar com apenas uma mão de seis a oito orifícios de uma só vez. E no caso de duas mãos a justaposição dos buracos seria disforme em relação ao círculo formado pelos orifícios, muito bem-feitos, pequenos, para tratar-se de unhas. Além disso, em alguns casos foi comprovada a ausência de sangue, ou seja, mais de 300 ml haviam sido retirados da paciente.
CONTINUA...

domingo, 18 de outubro de 2009

A tecnologia Extraterrestre infiltrada no governo secreto


Os Extraterrestres teriam chegado à Terra há dez mil anos atrás alterando praticamente toda engenharia genética humana.Existem registros da civilização Suméria a respeito dos seres conhecidos como Oannes, que lhes trouxe a escrita e outros conhecimentos.
Esses extraterrestres compõem várias raças de alienígenas, que em sua grande maioria pertencem aos seres conhecidos como Xpotaz, outros vindos de Órion, classificando-se em Ordens de Extraterrestres do mal e outros do bem, esses últimos obrigatoriamente reunidos em uma Confederação Galáctica com autonomia para impedir o acesso do mal em nosso planeta.
Extraterrestres do bem não têm a permissão de interferir em nosso livre-arbítrio, mas eles mantêm uma constante ligação com autoridades governamentais poderosas a fim de alertarem para o perigo de uma "casta" de extraterrestres que estão trazendo tecnologia avançada aos governos em troca desses se calarem em relação ao crescente números de abduções entre os seres humanos. Esse pacto entre extraterrestres e algumas potências governamentais levanta a suspeita de que está sendo criado um governo secreto em países envolvidos que pretendem estabelecer a Nova Ordem Mundial.

Eles têm alertados os chefes de governos sobre a precária condição do homem em lidar com esse tipo de tecnologia avançada. Alertam que esses que trazem essas tecnologias são voltados para o Poder e conquistas através da tecnologia em armamentos de guerra e outros.

O malefício é ainda maior quando existe uma alteração temporal como a que ocorreu com a Experiência Filadélfia (citada na postagem abaixo). O que ocorreu nesse caso em particular, foi que a tecnologia trazida por extraterrestres do mal provocou uma alteração temporal na região onde estava o navio de guerra SS Andrew Furuseth, na Filadélfia, uma alteração presente no Triângulo das Bermudas. Essa alteração faz com que uma pessoa passa para outra dimensão sem perceber.
Nesse tipo de tecnologia, os Xpotazes são os mestres auxiliadores dos norte-americanos, assim como Nazistas e norte-coreanos, intitulando um colapso no Tempo, trazendo até eles o similar "Túnel do Tempo" .
Esses e mais outras raças têm sido protegidas em uma base subterrânea no Novo México pelo governo dos Estados Unidos. Segundo um relato atribuído a um ex-agente de segurança da Base que afirmou que vivem cerca de 18 mil extraterrestres conhecidos como Greys, os cinzentos, além de reptilianos humanóides nessa Base Americana Subterrânea.
Nessa base subterrânea, existe um laboratório biogenético ainda em funcionamento que teria sido construído em 1954, após um acordo com o governo Dwight.
O conceito de uma batalha entre extraterrestres não é mito. E o que é pior, governos beneficiados pela tecnologia sabem disso, mas se calam perante os recursos recebidos.

sábado, 17 de outubro de 2009

The Philadelphia Experiment - Ações altamente secretas do governo dos EUA

O que você pensa sobre uma experiência de tal magnitude e assombrosa como a "The Philadelphia Experiment"? O que sua percepção diz sobre essas grandiosas experiências? Ou você se colocou no "holl" daqueles pertencentes ao grupo de simpatizante e alienados sobre fatos acobertados por governos para que não venham ao conhecimento geral? Sinceramente, você acha natural que a sua inteligência seja inferior a outras inteligências de seres de sua raça? Porque se você acha que tais experiências são provenientes apenas de mentes humanas e não da ajuda secreta de uma raça tutora alienígena (que tem como objetivo de passar conceitos avançados de progressos tecnológicos) é melhor que você reveja do porquê de estarmos tão aquém do QI desses militares simplesmente fantásticos!
Desculpe, as questões chocantes. Foram questões elaboradas de improviso para você pensar um pouco mais. Leia sobre o que escrevo abaixo:
Em 12 de agosto de 1943, durante a segunda Guerra Mundial, a Marinha teria realizado uma das experiências mais fantásticas e misteriosas da história envolvendo campos eletromagnéticos para elaborar armas de ataque e de defesa. É certo que, como citei em outra postagem, os Nazistas também desenvolveram armas surpreendentes de defesa e ataque, entre elas, as minas submarinas inventadas pelos alemães que serviam de armadilhas das quais poucos navios inimigos escapavam, pois as mesmas eram acionadas por campos magnéticos que detectavam os návios americanos. Para defesa, os norte-americanos passaram a utilizar o Sistema Degaussing, ou seja, um sistema que desmagnetizava o navio, deixando-o INVISIVEL aos radares.Os navios eram "enrolados" em bobinas e aplicavam nele um campo magnético (CEM) que desorientavam os magnetos dentro dos metais que formavam os navios, de modo que ficavam magneticamente neutros.
Ou seja, essa experiência ultra-secreta foi realizada no Estaleiro da Marinha dos Estados Unidos da América, na Filadélfia, onde os destróier USS Eldridge ficavam INVISÍVEIS aos radares e às minas magnéticas.

Essa experiência utilizou a Teoria do campo unificado, um termo cunhado por Albert Einstein. A Teoria do Campo Unificado visa descrever a interação entre as forças que compõem a radiação eletromagnética e a gravidade, utilizando alguma versão desta teoria para curvar a luz em volta de um objeto, tornando-o essencialmente invisível. Isso teria exigido equipamento especializado e energia suficiente. Que energia seria essa? Energia Exillis?
O projeto envolvia a utilização de potentes campos magnéticos provocados por geradores elétricos localizados em seus porôes que além de desaparecer de fato, teletransportavam os navios aparecendo em Norfolk, a mais de 300 km de distância de seu local de origem.Foi visto pela tripulação do navio mercante SS Andrew Furuseth, na Virgínia.

E o que é mais intrigante, aconteceram efeitos terriveis com os seus tripulantes. Alguns tripulantes estavam fundidos ao metal da embarcação. Outros permaneceram desaparecidos materializando-se em 1983 na base da aeronáutica no pico Montauk, Estado de Nova York, sede do secretissimo PROJETO MONTAUK, um outro projeto extensão da Experiência Filadélfia.
Os efeitos fisiológicos do experimento sobre a tripulação teria sido profundo: quase toda a tripulação adoecera violentamente. Alguns teriam passado a sofrer de doença mental como resultado de sua experiência; comportamento compatível com a esquizofrenia é descrita em outros relatos. Outros membros imóveis, como Jacob L. Murray teriam desaparecido fisicamente de forma inexplicada e cinco tripulantes teriam se fundido ao metal do anteparo ou do convés do navio. Parados, outros desapareceram dentro e fora do campo de vista. As vezes eles desapareciam, reapareciam em outro lugar, de repente, explodiam em chamas.
Raros tripulantes sobreviventes que reapareceram em 1983 alegaram que não havia ocorrido apenas o teletransporte do USS Eldridge, mas uma viagem no tempo. E o que é mais assustador, um enigmático personagem chamado AL BIELEK, que afirma ter estado à bordo do USS Eldridge, diz que o experimento foi supervisionado por um consórcio de seres alienígenas que incluíam os populares GREYS e os misteriosos REPTILIANOS.

Horrorizados com esses resultados, oficiais da marinha tiveram que cancelar imediatamente o experimento. Todos os sobreviventes da tripulação envolvidos sofreram lavagem cerebral na tentativa de fazer os mesmos perderem memória a respeito de detalhes da experiência.

Mas o que teria acontecido ao USS Eldridge?
Como ninguém conseguia explicar por que isso acontecera, o governo criou, em 1943, um comitê de pesquisa chamado Projeto Fênix comandado pelo físico húngaro-americano Janus Eric Von Neumann. O físico chegou à conclusão de que as ondas eletromagnéticas alteravam a percepção humana da realidade e que podiam ser usadas para exercer CONTROLE MENTAL à distância. As pesquisas continuaram e, para mantê-las afastadas do público, em 1971 o Projeto Fênix foi transferido para uma base da Aeronáutica em Montauk, Nova York, e rebatizado como Projeto Montauk.
Essa história começou a se tornar pública em 1955, quando um astrônomo formado pela Universidade de Michigan, publicou um livro institulado "Case for de Ufo". E veio até o conhecimento público amplamente na década de 70 com a publicação do livro "O navio Invisível - The Philadelphia Experiment`: Project Invisibility, atualmente fora dos catálogos da Ed. Record.

O navio SS Elbridge foi entregue à Grécia em 1946 sendo parte de acordo de boas relações com o país no pós-guerra. O navio foi rebatizado com o nome de A/T Leon e serviu a Marinha Grega até 1990.No entanto, esse navio apresentou alguns indícios estranhos como o ocultamento sobre fatos narrados em diário de bordo antes de ! de dezembro de 1943. Além de instalações elétricas com grande números de cabos que conduziam a parte alguma,totalmente sem função. Os tripulantes da Marinha Grega também observaram algumas situações esdrúxulas como desaparecimento de objetos ou a presença de pequenos circulos brilhantes esverdeados ao redor do casco, tremores no navio mesmo quando parado.

Alguns pesquisadores da experiência de Filadélfia teriam se encontrado no início de 1959 e decidido dar continuidade às experiências com Campos Magnéticos, só que dessa vez, no uso como arma de manipulação psicológica. Essa idéia foi aprovada pelo Departamento de Defesa dos EUA, dando ênfase ao desenvolvimento de uma arma capaz de induzir desordens psicóticas e de esquizofrenia nos inimigos, o qual ofereceu 10 bilhões de dólares para a execução do projeto.
Esse projeto teria começado com o nome de Phoenix Projecto, num campo da Força Aérea norte-americana, noo Brookhaven National Laboratory, em Long Island, Nova York. Entretanto, o projeto exigia a instalação de uma gigantesca antena de radar que iria prejudicar a segurança local. Por isso, ela foi instalada em Montauk, numa base fora do serviço, próxima aos laboratórios de Brookhaven. Esse radar teria a capacidade de influenciar a mente humana. O resto do equipamento foi instalado em 1967 e 1968 numa base subterrânea ampliada pela Agência de Segurança Nacional ( National Security Agency),a NSA, uma agência altamente secreta dos EUA que estabelece contatos com extraterrestres, os quais lhes fornecem tecnologia super avançada sobre hiperespaço e viagens no Tempo. O projeto ampliou de tal maneira que o local foi ampliado em 12 andares subterrâneo, chegando a empregar centenas de empregadores norte-americanos. Existem mitos e verdades sobre essas experiências. Uma dela, eu particularmente, evito pensar que seja verdade. A de que nesse projeto foi desenvolvida a utilização de mensagens subliminares capazes de atingir grande parte da população. Ou seja, manipular mentalmente a população dos EUA.

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

O SEGREDO DAS SOCIEDADES SECRETAS



FRAGMENTO DO LIVRO EFEITO EXILLIS (Minha autoria)
Há um designo que nenhum homem e nenhuma mulher podem impedir: De ser escolhido para guardar um Segredo incomensurável.

Creio que os raros escolhidos até então tenham resistido a utilizá-lo para benefício próprio. Porém, se isso vier a acontecer um dia, certamente causará a ira de Deus e de toda a descendência da humanidade.
Nephlins sairão debaixo de "Stargates" de monumentos sumérios, além de que, visitantes espaciais cruzarão o céu em fúria e jogarão o Nibiru sobre o planeta Terra, exatamente como foi o castigo do Dilúvio.

Entretanto, esse Segredo foi descoberto pela Ordem dos Templários, desaparecida no século XIV, e sem dúvida nenhuma, as Sociedades Secretas continuam como depositárias desse Segredo até os dias de hoje. Valendo dessa aura de mistério, as sociedades secretas treinam os seus iniciados e colocam em risco o verdadeiro objetivo do Segredo que é ter a linhagem do Graal concluída e o Segredo revelado à humanidade, transformando a visão que os homens possuem de religião, de sua origem e do conceito do que vem a ser o “tempo”.

Confidencio aqui, uma história jamais revelada, mas que se aproxima a hora para que seja conhecida por toda a humanidade. Ela foi passada de geração a geração através da linhagem do Graal.

A linhagem do Graal se iniciou através de Salomão que reinou Israel no período de 1009 a.C a 922 a.C.
Rei Salomão foi um dos homens mais sábios da história. Em Reis 14:29 cita que a sua sabedoria foi superior a de todos os reis do Oriente.

O seu nome aparece nos livros sagrados dos cristãos e dos Islamitas, nos compêndios da Maçonaria e das inúmeras ordens e Sociedades Secretas, citando sempre que Salomão foi detentor de uma Grande Segredo.
Qual seria o segredo do Rei Salomão?
Existem referências bibliográficas que afirmam que o Segredo de Salomão estava contido em um anel de Esmeralda com o símbolo predileto do rei. Um anel cabalístico que lhe dava poderes e que ele utilizava como sinete para autenticar todos os seus documentos. Documentos ainda existentes nos arquivos de Sociedades Secretas e em alguns museus espalhados pelo mundo.
Em 971-931 a. C, David, seu pai, lhe deu a incumbência de construir o Templo de Jerusalém de acordo com uma ritualística exigida, onde deveria guardar a Arca da Aliança, juntamente com as Tábuas da Lei no compartimento Santum Sanctorum do Templo. Então, o rei de Tiro apresentou Hiram Abiff, precursor da Maçonaria, para que Salomão o contratasse para serviços de mestre de obras. Tanto Salomão como Hiram eram iniciados nos Grandes Mistérios egípcios e guardavam o Segredo das Grandes Construções.( O nome maçom em francês quer dizer construtor). Sem sombra de dúvidas, Hiram Abiff foi o verdadeiro arquiteto do Templo, sendo um dos depositários dos Segredos de um Mestre-Maçom. O Antigo Testamento cita Hiram como um mestre em metalurgia e trabalhos com metais.
O Templo de Jerusalém foi o ponto alto na história das construções e segundo Clarke, o estilo, formato e tamanho do Templo correspondem quase a uma cópia do Carbono de um Templo sumério erguido há mil anos antes do deus Nirurta.
Dizem as tradições que, durante a construção do Templo, não houve acidentes de trabalho entre os trabalhadores e não se ouvia o barulho de talhadeiras cortando os gigantescos blocos de pedra, não se ouvia um só ruído. Tudo isso graças ao grande Segredo.

Após a construção do Templo de Salomão, surgiram os Hospitaleiros Templários, que segundo a Ordem foi criada para promover alimentação, hospedagem e proteção aos viajantes. Entretanto, não existia nenhuma evidência que eles estivessem protegendo os peregrinos. Na verdade, eles começaram a conduzir extensas escavações debaixo do Templo. Eram 9 cavaleiros que deram origem a uma Ordem Templária que permaneceu por mais de 200 anos ao longo da história, transformando nos homens mais poderosos do que mesmo os reis, com legendárias habilidades de luta e donos de tesouros imensuráveis. E o mais intrigante, os Templários foram os depositários da verdade sobre a Pedra Graal, a mesma Esmeralda que pertenceu a Salomão.

Essa Esmeralda veio mais tarde a ornamentar o "Cálice da Última Ceia", no qual Jesus Cristo (Yeshua em hebraico, Yeoshua em grego)recebeu como herança dos druidas, pouco antes dele ter sido encontrado no Templo, aos doze anos de idade, confabulando com os doutores da lei e escribas.
E Jesus disse: Mostrem-me a Pedra que os construtores rejeitaram. Essa é a Pedra Angular. EVANGELHO SEGUNDO TOMÉ. LUCAS: 20:17, MARCOS 12:10,MATEUS 21:4


Ruínas da Abadia de Glastonbury

Após sair da prisão, José de Arimatéia, cumpriu o que havia prometido para Jesus cristo no momento de sua crucificação: Levar a Pedra Graal, a Esmeralda, para o próximo a custodiar a Pedra. Dessa forma, se dirigiu para Glastonbury, onde fundou a sua Congregação, construindo a Abadia de Glastonbury, que deu origem mais tarde à Tavola Redonda. Finalmente, no século X a Esmeralda foi designada para manufaturar a bainha da lendária Espada Mágica de Excalibur, onde o Dux bellorum Arthur retirou-a da mais dura rocha, conferindo a ele o título de rei e herdeiro de Uther Pendragon. Em honra a essa Esmeralda, todos os Cavaleiros da Távola Redonda usavam a cor verde em suas vestimentas.




A busca pela Esmeralda ( A Pedra Graal) foi o motivo de confrontos das Cruzadas. Além de ter sido uma das razões das atrocidades da Santa Inquisição, acusando de hereges todos aqueles que sabiam do Grande Segredo da Esmeralda.

Essa busca continuou através dos séculos. Adolf Hitler, conhecedor de profundos conhecimentos ocultistas, em 1930, acreditando ser a Esmeralda responsável pela força Vril, patrocinou várias expedições em busca da Pedra até o sul da França.
Otto Rhan, chefe dessas expedições, descobriu que a Pedra Graal havia sido custodiada pelos Cátaros, em Montesegur. Um dos motivos que os Cátaros foram considerados Arianos pelo terceiro Reich, pois Hitler acreditava que eles eram originários da Raça Raiz, descendentes do povo de Atlântida. Nessas expedições foram achados vários elementos de grande valor arqueológicos de origem Cátara, porém, não encontraram a Esmeralda, mas foi criada a Ordem Vril.

A verdade é que a Pedra Graal guarda uma estreita ligação entre o poder e a sabedoria, a semente de iniciação de todas as Sociedades Secretas. Não consiste em um mero artefato histórico, mas um catalisador ( Quantum Entanglement) de uma força extraordinária que mudará todo o panorama da tecnologia no mundo e o conceito “Espaço-Tempo” tão restrito conhecido pelo homem. Indubitavelmente que a verdade revelada sobre essa Esmeralda colocará em contradição toda a verdade sobre o Cristianismo pregada pela Igreja Católica, um Cristianismo romanceado por dogmas , repleto de verdades ocultas, traçado pelo Concílio de Nicéia, conforme o ideal de "manipulação de massa".

Ruínas Cátaras

A Esmeralda é considerada uma das mais sagradas e poderosas relíquias da História do Cristianismo, simbolizado pela Taça da Última Ceia, a Taça do Saber, negligenciada pelo grande público, mas que sempre atraiu a atenção daqueles que desejam o Poder para alcançar a sua própria glória ou dominar o mundo através de uma Nova Ordem Mundial.

Essa pedra encontra-se atualmente no poder de uma grande organização governamental. O subproduto dessa Esmeralda, um pó monoatômico de diferentes propriedades Quânticas, já foi inclusive patenteado a "duras penas" e tem sido disputado pelas Sociedades Secretas, entre elas, a Opus Dei (Catolicismo), Iluminattis e Ordem Negra, devido ao alto poder tecnológico que ele representa, além de ser a matéria exótica que faltava para concretizar a tão almejada Viagem no Tempo.

Para explicar as propriedades dessa Esmeralda, a Lapis exillis, eu escrevi o livro em forma de romance- ficção, justamente para contracenar com o clima de mistério que a envolve cada personagem que custodiou a Pedra, além de enfatizar a mudança que a “Linhagem do Graal” pode representar na vida de seus escolhidos. Essa pedra guarda todos os mistérios envolvidos na ocasição do Caso Roswell ( A nave de extraterrestre) que caiu no Novo México, em 1947 e foi acobertada pelo Pentágono.

A TEORIA DE OTTO RAHN:
No ano de 1904, nasceu na Alemanha Otto Rahn, um personagem que iria ter uma certa importância dentro do circulo relacionado com a busca do Graal.
Otto, prematuramente foi tentado pela temática medieval a qual se dedicou de corpo e alma durante muitos anos de estudo.
Especializou-se em filologia e história medieval, sendo imediatamente atraído pelo estudo do catarismo, aquela doutrina que ensinava a visão dualista do Universo.
Logo descobriu, mediante a leitura dos poemas medievais sobre o Santo Graal, que existia uma vinculação entre alguns desses textos e a história Cátara.
Especialmente lhe atrai a leitura de Percival de Wolfram Von Eschenbach quanto à semelhança que achava existir entre o castelo de Muntsalvach descrito na obra e o de Montségur, centro espiritual dos cátaros.
A teoria do filólogo alemão assegurava que o Graal esteve na fortaleza situada em Languedoc, e, portanto seria fácil recuperá-lo se si achasse o tesouro cátaro escondido nas montanhas em sua proximidade.
Rahn voltou ao sul da França e passou a percorrer as montanhas e castelos, em busca do tesouro, porém, não conseguiu obter sucesso.

Acreditava que os sítios mais apropriados para as buscas eram a gruta de L´Hermitte e as cavernas limítrofes como a de Lombrives, a maior da Europa. A exploração espeleolíca não era fácil, pois estas cavernas apresentavam portadoras de uma rede intricada de passagens e gretas inexploráveis, que alimentavam a convicção de que nelas se refugiaram na Idade Média os poucos cátaros que puderam fugir da perseguição.

Nessas expedições foram achados vários elementos de grande valor arqueológicos de origem cátara, porém nenhum cálice ou pedra de esmeralda como descreve Wolfram, “caída da fronte de Lúcifer”. Temos de notar que Rahn buscava na realidade esta Pedra sagrada antes do cálice.

Em seu livro “A Cruzada contra o Graal” atribui que a queda final de Montségur ocorreu porque as forças de Lúcifer desejavam na verdade recuperar a pedra que
Como podia Otto Rahn resgatar o tesouro em tão recôndito sitio?
Decidiu fazer uso das artes da geometria para achá-lo.
Rahn, na sua obsessão utilizou estranhos métodos, como traçar sobre o mapa dessas montanhas uma rede de triângulos e trapézios numa tentativa de configurá-la como a “estrela hermética dos Templários”, símbolo que revelaria o sitio exato donde estaria o Graal seu sonho de séculos. Tudo foi em vão. Decepcionado Otto regressa a Alemanha e passa a conhecer importantes dirigentes do partido nazista, como Heinrich Himmler.
No ano de 1936, o filólogo e historiador alemão Otto Rahn, torna-se membro da SS do Terceiro Reich.
Quem de fato tinham sido os catáros na nova formulação de Rahn? Não era difícil descobrir, pois assim ele escreveu:
“Não precisamos de deus de Roma, temos nosso próprio deus. Não precisamos dos mandamentos de Moisés, carregamos em nossos corações o legado de nossos ancestrais. Moisés é que é imperfeito e impuro (...) Nós, ocidentais de sangue nórdico, nos autodenominamos catáros assim como os orientais de sangue nórdico são chamados de persas, os puros. Nosso céu está aberto apenas para aqueles que não são criaturas de uma raça inferior, ou bastardos, ou escravos. Está aberto para os árias (arianos). Seu nome indica que eles são nobres e honrados”.
Naquela época começou a aparecer rumores de que Rahn dentro da SS, tinha criado um circulo de admiradores da seita cátara da qual eles se denominavam de “os neo-cátaros”.
Em correspondência a seu amigo Paul Ladame - de Geneve – prologista de sua segunda obra “A Corte de Lúcifer” e que o acompanhou durante vários dias em suas incursões às cavernas cátaras, que lhe perguntava estupefato porque se havia tornado um nazista, ele respondeu com amargura: “preciso viver...”.

Referências: http://caminhocelta.blogspot.com/2009/09/o-santo-graal-xxxiii-jose-de-arimateia.html

Vejam que a Pedra Graal guarda uma estreita ligação entre o Poder e a sabedoria. Não percam todas as informações sobre esse assunto no meu livro EFEITO EXILLIS 1; até o final do ano, nas grandes livrarias do país.

terça-feira, 22 de setembro de 2009

ERAM OS DEUSES ASTRONAUTAS? Assim perguntou Erich Von Dãniken.


O homem foi formado por genes de extraterrestres.
Eram os Deuses Astronautas? Assim o suíço Erich Von Dãniken, escandalizou o mundo na década de setenta com o seu best-seller que levou esse nome.
Nunca pensei que veria o dia em que todas as teorias de Evolução descritas por Lamark e Darwin estariam fardadas “a cairem por terra”. Ficção científica?
Pois eu digo que hoje essa teoria não é mais um tema de ficção científica, mas já foi comprovada pelo Projeto Genoma Humano ( PGH)que 97% das seqüências não-codificadas do DNA humano correspondem a herança genética proveniente de formas de vida extraterrestre. O Projeto Genoma Humano (PGH) consistiu num esforço internacional para mapear o genoma humano e todos os nucleótidos que os compõem. A iniciativa foi dos Institutos Nacionais de Saúde (National Institutes of Health) do mundo todo, reunindo centenas de laboratórios para a tarefa de sequenciar os genes que codificam as proteinas do corpo humano e também aquelas sequências de DNA que não são genes.

O PGH foi um consórcio internacional, incluindo programas de pesquisas sobre o Genoma Humano de mais de18 países. Os maiores programas desenvolveram-se na Alemanha, Austrália, Brasil, Canadá, China, Coréia, Dinamarca, Estados Unidos, França, Holanda, Israel, Itália, Japão, México, Reino Unido, Rússia, Suécia e outros.
Esse projeto teve como finalidade desenvolver projetos na área de clonagem, células tronco, biotecnologia, engenharia genética e outros.
Porém, os cientistas do Projeto Human Genome ( Projeto Genoma) ficaram perplexos com a descoberta do material genético que não pertence ao planeta Terra. Essa descoberta deu credibilidade às hipóteses da origem humana como resultado de colonização da Terra realizada por viajantes cósmicos, que vieram "dos céus", como nos relatos mitológicos de culturas antigas de todo o mundo.

Essas sequências não-codificadas são comuns a todos os organismos vivos da Terra. No DNA humano, as sequências constituem grande parte do total do genoma, informou o profº Chang, líder da equipe. Chamadas "junk DNA". Com isso, os cientistas já admitem a hipótese que existe uma grandiosa forma de vida alienígena que está manipulando a forma de vida em vários planetas. Entretanto, não se sabe qual é o propósito desses “Programadores extraterrestres”.

Palavras do professor Chang: "Se nós pensarmos nisso em termos humanos, os supostos "programadores extraterrestres" provavelmente estavam trabalhando em "um grande código" consistente de vários projetos, e esses projetos devem ter produzido várias formas de vida para vários planetas. Eles também devem ter tentado várias soluções. Eles escreveram "o grande código", executaram-no, não gostaram de algumas funções, mudaram-no ou adicionaram novas funções, executaram-no novamente, fizeram melhorias, tentaram novamente e novamente."

Além disso, o time de pesquisadores do professor Chang (Projeto Genoma Humano)conclui que: Os "programadores extraterrestres" talvez tenham sido ordenados a excluir todos os seus planos idealísticos para o futuro quando se concentraram no "projeto Terra" a fim de terminá-lo no prazo adequado. Provavelmente com pressa os "programadores extraterrestres" cortaram drasticamente o "grande código" e o entregaram somente com as características básicas planejadas para a Terra.
Além do material genético, é também possível que os extraterrestre estejam aqui mesmo, acompanhando de perto o desenvolvimento da raça humana e disseminando mais intensamente suas "sementes estelares" (star-seeds). Estes seres, "infiltrados", que estão sendo chamados de star-people ou star-children, são descritos pelos escritores Brad e Francie Steiger como indivíduos cujas almas deveriam ou poderiam estar encarnadas em mundos de outros sistemas solares, mas que vieram à Terra, nascendo em famílias humanas, para empregar seus esforços em auxiliar no processo de evolução da Humanidade.

Pessoas que alegam ter contactado com estes seres, consideram-nos benevolentes ou "do bem". Entre os "contactados" alguns são conhecidos nos meios científicos: George Adamski, Orfeo Angeluci, George Van Tassel, Howard Menger, Paul Villa, Billy meier, Alex Collier. Freqüentemente, os encontros entre humanos e "infiltrados" são comprovados por evidências físicas, como fotografias e filmes, além dos testemunhos.

Um dos argumentos em que se apóia essa idéia é a improbabilidade de surgimento do Homo sapiens de maneira súbita, um processo que fere os princípios do Darwinismo ortodoxo; além disso, nos mitos encontrados nas culturas das mais antigas civilizações, existem descrições de eventos protagonizados por "deuses semelhantes a homens", que aparecem vindos do céu e criam a raça humana "à sua própria imagem e semelhança". O homem contemporâneo, em tudo lembra um ser híbrido, uma combinação genética de material extraterrestre com a herança do Homo erectus.

Mas não foi apenas a equipe do professor Chang que nos trouxe essas informações. Na verdade elas remontam os primórdios da humanidade.
Os Sumérios acreditavam que seus "Deuses" vieram do décimo segundo planeta - que completa uma volta no Sol a cada 3600 anos. As tábulas de argila sumérias tem informações precisas sobre os planetas do sistema solar. O mais impresionante são os dados sobre Plutão. Bem antes de sua descoberta em 1930, os sumérios sabiam tudo sobre ele, afirmando que Plutão era na verdade um satélite de Saturno que se "desprendeu" e ganhou uma nova órbita.
Esse conhecimento seria possível há 3.000 anos atrás?
A história diz ainda que após 35 milhões de anos Nibiru corria risco de se acabar totalmente, então, como a Terra era o único planeta com condições favoráveis para sua sobrevivência, fizeram misturas genéticas entre os primatas e os habitantes de Nibiru, pois seus habitantes tinham tinham uma espectativa de vida de 20.000 anos e eram humanóides gigantes. Com o passar do tempo estes extraterrestres misturaram-se com os humanos, gerando assim novas raças e etnias: os "filhos dos Deuses".

Uma coisa é certa, os sumérios eram avançados em tecnologia e conhecimentos astronômicos. Sua astronomia era incrivelmente avançada: seus observatórios obtinham cálculos do ciclo lunar que diferiam em apenas 0,4 segundos dos cálculos atuais. Na colina de Kuyundjick, antiga Nínive, foi encontrado um cálculo, cujo resultado final, em nossa numeração, corresponde a 195.955.200.000.000. Um número de quinze casas!... Os velhos e inteligentes gregos, no auge do brilho do seu saber, não passaram do número 10.000, o resto seria o "infinito". Na cidade de Nipur, 150 km ao sul de Bagdá, foi encontrada uma biblioteca sumeriana inteira, contendo cerca de 60.000 placas de barro com inscrições denominadas: cuneiformes. Nas traduções destas escritas, diz-se que a Terra, teve origem extraterrestre, através da colisão de dois corpos celestes. Parte dos destroços cairam aqui e no outro corpo celeste: "Nibiru", onde teve início a vida e com isso avançaram no estágio de evolução.


A mais famosa sociedade ocultista, a Teosofia, fundada em 1875 pela russa Helena Pretrovna Blavatsky fez uma fusão das tradições indianas e egípcias, reforçando que o homem não originou dos macacos como anunciado por Darwin e sim por seres interplanetários e espiritualmente desenvolvidos que remontavam Atlântida.

Diante de todas essas informaçõe porque não especular sobre a intervenção de entidades não terrestres como sendo responsáveis pela intervenção direta ou indireta na evolução do Homem?


O assunto é longo...Todavia, citarei aqui alguns relatos sobre a inclusão de extraterrestres na evolução do homem:

Dr. Michael E. Salla, autor de Exopolitics: Political Implications of the Extraterrestrial Presence (Dandelion Books, 2004) - É um dos fundadores do movimento de Exopolítica, cujo objetivo é obter a abertura das fontes de informação e o diálogo - com e sobre - os extraterrestres, pela afirmação de uma "democracia global" e pela qualidade de vida da raça humana como seres responsáveis e conscientes de que habitam o Universo. Sr. Salla revela que "Existe um grande número de raças extraterrestres conhecidas por várias instituições e elas estão interagindo com o planeta e a população humana".

Em 1998, o sargento aposentado das Forças Armadas Norte-Americanas (U.S. Army), Clifford Stone disse em entrevista que participou de operações de resgate de naves extraterrestres e de criaturas alienígenas. Stone afirmou que existem várias raças de extraterrestres.

Outro depoimento é o de Bob Dean, pertencente ao Projeto Camelot, militar com 27 anos de carreira: "Entre os extraterrestres que conhecemos existe um grupo que se parece muito conosco; podem estar sentados ao seu lado num restaurante e ninguém perceberia a diferença."

Aparentemente, "Raças humanas extraterrestres podem se integrar facilmente nas sociedades humanas pois são indistingüíveis." Um terceiro relato é o de Allex Collier, que afirma ser "um contato" - "uma variedade de extraterrestre que fornece material para experimentos com humanos." - Collier acrescenta que: "Os humanos da Terra são um produto de manipulação genética realizada por extraterrestres. Os humanos sapiens possuem uma herança genética e seu código de DNA é semelhante a um banco de muitas diferentes memórias raciais.

Alex Collier diz que os "ET-humanos" estão interessados em assegurar que a humanidade possa se desenvolver com senso de responsabilidade sem ameaçar a si mesma nem a grande comunidade galáctica da qual fazem parte. Um dos pré-requisitos para isso é o aprimoramento da consciência humana que deve começar com a implantação da unidade religiosa."

Collier, que alega ter contato com ETs, alerta que as mensagens religiosas fundamentalistas no Cristianismo, Judaísmo, Islamismo e outras tantas seitas são elementos de manipulação e controle da raça humana.
As religiões institucionalizadas legitimam a criação e manutenção de uma elite dirigente opressiva, que se auto-estabelece como juízes da moralidade. As elites religiosas têm abusado de suas regras autogeradas para exercer controle social. A religião tem se tornado um agente colaborador e complementar do projeto econômico que orienta o Estado. Os ETs-humanos querem "ajudar a humanidade a se libertar das estruturas de opressão através da educação edodespertar da consciência."

Em Extraterrestrials Among Us, artigo publicado em outubro de 2006, Salla afirma: "Existem evidências impressionantes, provenientes de um fontes independentes de que extreterrestres semelhantes a humanos vivem integrados com as populações dos grandes centros. Muitos relatos, de pessoas comuns, descrevem encontros com extraterrestres que transitam incógnitos entre os cidadãos das maiores cidades do planeta.

George Adamski foi o primeiro a escrever sobre os extraterrestres que vivem secretamente. Em "Inside The Flying Saucers", segundo livro não-ficcional de Adamski, há o relato das experiências de contato com os alienígenas e como eles se estabelecem em sociedade, vivendo como qualquer um de nós pobres mortais, e o que é mais assustador, sem deixarem margens para algum tipo de desconfiança.

FONTES & LINKS
Scientists find Extraterrestrial genes in Human DNA por John Stokes
THE CANADIAN WEBSITE Zecharia Sitchin
ANUNNAKI: Os Deuses Astronautas da Suméria

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

sábado, 19 de setembro de 2009

SER ESTRANHO ENCONTRADO NO PANAMÁ - ANUNNAKI?


(Foto: Reprodução/Telemetro)
FOTOS DE ANUNNAKIS



Essa criatura foi morta por adolescentes, ESSA SEMANA, em um lago, em Cerro Azul, no Panamá.



O QUE SÃO ANUNNAKIS?
TRECHO RETIRADO DO LIVRO 1 EFEITO EXILLIS:
Anunnakis são seres que, em sua grande maioria, vivem em cidades construídas no subterrâneo da Terra, entretanto, milhares de outros Anunnakis vivem infiltrados nas cidades, tendo vida comum. Eles possuem a capacidade de se transformarem fisicamente em seres humanos para facilitar o convívio ao nosso lado. E esses geralmente se destacam como grão-mestres de Ordens diabólicas ou na política, etc.
Eles são mutáveis, ou seja, se transformam em forma humana quando querem. Além do mais, essas criaturas estão obcecadas por linhagem genética e são grão-mestres de Ordens como as "Ossos & Crâneos", Illuminati e outras. Eles infiltram DNA em seres humanos, desde que já não conseguem mais se reproduzirem. Essa infiltração permite a possessão de corpos humanos. Entretanto, nem todos os homens podem ser possuídos por um Anunnaki, depende muito da linhagem e eles reconhecem de longe as linhagens que eles podem atuar. Uma vez que eles manipulam o DNA de uma pessoa, essa passa a ter o seu caráter modificado conforme o desejo deles, fazendo tudo que eles querem. Cada geração de famílias de linhagem genética dos Illuminatis faz um tipo de ritual para ativar a possessão deles pelas entidades reptilianas e não encerrar o ciclo.

Os Anunnakis são seres oriundos do Planeta Nibiru, chamado assim pelos Sumerianos, que chegaram a Terra há aproximadamente 450.000 anos em procura de minérios especialmente do ouro, o qual era usado a partir de um processo de monoatomização para levitação, abertura de portais dimensionais e como um poderoso alimento (maná) ou pão branco dos deuses (o ouro quando queimado dentro desse processo vira um pó branco), entre outras funções como a proteção da atmosfera do planeta Nibiru que estava em pleno processo de enfraquecimento e extinção. Foram encontrados na metade do século XIX, tábuas de barro sumérias que mencionam uma raça de deuses chamados Anunnakis que fizeram uma raça de híbridos reptilianos-humanos através da fusão de seus genes com genes humanos, originando homens especiais nos quais comandaram por muito tempo o antigo Oriente Médio. Na China, o simbolismo do dragão é a base da cultura deles.

Então, alguma semelhança?

OPUS DEI _ Mortificação? Chibatadas no Catolicismo?




A OPUS DEI, uma das alas mais conservadoras do Catolicismo,a prelazia pessoal, tem como finalidade contribuir para a missão evangelizadora da Igreja Católica. Segundo seus dirigentes o seu objetivo é "Difundir uma profunda tomada de consciência da chamada universal à santidade e do valor santificador do trabalho cotidiano".
Foi fundada em 1928, pelo espanhol São Josémaria Escrivá que dizia sempre que seu trabalho é contribuir para o progresso da sociedade e o caminho da Santificação. É constituída por um prebistério ou clero, leigos (70%, sendo homens e mulheres casadas), outros vivem no celibato por motivos apostólicos. Outros, por receberem estudos prévios ao sacerdócio são convidados pelo prelado para receber as sagradas ordens. Possuem cerca de 80 mil membros disseminados pelo mundo, principalmente nos países de lingua latina.
Entretanto, a Opus Dei causa polêmica por alguns de seus membros praticarem a mortificação física, ou seja, causar dor a si mesmo utilizando o cilício (cinto com arames eriçados amarrados à coxa), chibatadas ou mesmo jejum prolongado. O Opus Dei dos Estados Unidos defendem que a Igreja Católica aconselha as pessoas a praticar a mortificação porque alguns santos praticaram a mortificação pelo seu valor transcendente e pode proporcionar benefício espiritual aos outros e a si mesmo. Dizem que ninguém pode se aproximar de Deus sem fazer a mortificação!

NOTA;(Que Deus é esse????? Deuses que sacodem a Terra com sua cólera, que desencadeiam tormentas, derrubam os homens com sua ira!???)
"Essa idéia bárbara de apaziguar um Deus irado, de um ser ofendido, tentando ganhar os favores por meio de sacrifícios e de penitências ou pelo derramamento de sangue é sinal de uma religião totalmente pueril e primitiva, de uma filosofia indigna de uma era esclarecida pela ciência e pela verdade". O LIVRO DE URÂNTIA - Fundação Urântia.

A OPUS DEI mantém relações incisivas com o mundo político e com o financeiro angariando somas exorbitantes de dinheiro com apoio dos pontífices e cardeais do Vaticano.
Possuem Constituição que foi redigida em 1950 e uma reputação de ORGANIZAÇÃO SECRETA que não conseguem se livrar. Em 1979 um membro da OPUS DEI chamado Del Portillo revelou que os membros dessa instituição trabalham em 475 universidades e escolas superiores de 5 continentes, em 604 jornais e revistas e 52 cadeias de rádios e TV.
O livro o Código da Vinci afirmou que essa organização foi alçada à condição de prelazia como recompensa em salvar o Banco do Vaticano, o que causou muita revolta entre os membros da OPUS DEI.

Um dos membros da OPUS Dei é o presidente colombiano Alvaro Uribe, fiel membro da rígida organização católica Opus Dei, que ostenta publicamente uma fé quase mística, tendo comandado com mão-de-ferro uma estratégia implacável para fragilizar as guerrilhas de esquerda.


Mais revelações? O meu livro Efeito Exillis faz revelações surpreendentes sobre o maior segredo da OPUS DEI.

O TEMPO ESTÁ PASSANDO MAIS RÁPIDO? Culpa da Ressonância Schumann


Um assunto interessante e que sempre me despertou muita curiosidade é a sensação de que o tempo tem passado muito rápido. Eu sempre comento que recentemente "Deus mexeu no tempo". Antes o intervalo entre um natal e outro demorava demais. A partir dos anos 90 os anos dispararam e a partir de 2000 essa sensação tem sido mais aguçada. Será apenas uma sensação ou algo realmente está acontecendo com o nosso planeta?

Os céticos alegam que isso ocorre devido ao aumento de afazeres. Isso é balela!!
Fiz algumas pesquisas sobre o tema e abordei o assunto nos meus dois primeiros livros da série Efeito Exillis. No livro 1 a personagem Valentine sofre os efeitos da Ressonância Schumann sofrendo uma parada cardio-respiratória quando ela retorna da Ilha Sagrada das Macieiras - Avalon, uma ilha que está fora da arbitragem da "CONTAGEM DO TEMPO". No livro 2 os personagens precisam usar alguns medicamentos como a AN- Acetil - Cisteína e dimetilglicina,que são medicações de efeito antioxidante no cérebro. Essas medicações são para prevenir a ressaca psíquica provocada pelo óxido nitroso que corroi o cérebro e faz com que a parte cerebral responsável pela memória desintegre e afete principalmente as funções de fixação, conservação e evocação da memória. Os sintomas da ressaca psíquica são: Dor de cabeça intensa, sonolência, convulsão, perda da consciência, além de outros sintomas.

A Ressonância Schumann é um conjunto de picos no espectro na ELF (banda de freqüências extremamente baixas) do espectro do campo eletromagnético da Terra. http://pt.wikipedia.org/wiki/Resson%C3%A2ncia_Schumann

O físico alemão W.O. Schumann constatou em 1952 que a Terra é cercada por um campo eletromagnético poderoso que se forma entre o solo e a parte inferior da ionosfera, cerca de 100km acima de nós. Esse campo possui uma ressonância da ordem de 7,83 pulsações por segundo.
Funciona como uma espécie de marca-passo responsável pelo equilíbrio da biosfera, condição comum de todas as formas de vida. Verificou-se também que todos os vertebrados e o nosso cérebro são dotados da mesma freqüência de 7,83 hertz/segundo.
Por isso, não podemos ser saudáveis fora dessa freqüência biológica natural. Quando os astronautas, devido as viagens espaciais, ficam fora da ressonância Schumann, eles adoeciam.
Entretanto, no segundo milênio essas pulsações dispararam consideravelmente, passando para mais de 13 hertz/segundo, provocando não só a aceleração do tempo embora o relógio não seja capaz de computar, mas desequilíbrios ecológicos e climáticos consideráveis, além de desvios comportamentais do homem.

Vou colar aqui um trecho recebido por um amigo, o autor é desconhecido por ele, portanto não sei se a autoria é de Leonard Boff. Todavia, o artigo é muito interessante:

Segundo pesquisas, a aceleração do tempo está encurtando os nossos dias em torno de 50%. A vibração planetária começou está em 33 ciclos por segundo e um dia que tinha 24 horas passa a ter somente 13 horas e 12 minutos. Entretanto, os relógios não marcam esse disparate. Alguns místicos afirmam que o tempo, nesse início de século está andando mais rápido, porque a Terra está girando em torno do seu eixo imaginário com maior velocidade. Afirmam também que as partículas subatômicas estão vibrando numa freqüência maior e que o nosso planeta já está a meio caminho da quarta dimensão. A explicação "física" para os relógios é que se a Terra está girando mais rapidamente, isso afeta a gravidade e, por conseguinte, o mecanismos dos relógios automáticos que funcionam em fórmula de pêndulo, ficando mais leves e, consequentemente, mais rápidos, compensando o tempo. O mesmo fenômeno acontece nos relógios eletrônicos e nos atômicos, que são constituídos de materiais susceptíveis de alteração com a aceleração das partículas subatômicas. Daí, conclui-se que os relógios estão nos dando uma informação que é relativamente correta, porém absolutamente falsa. O descompasso entre as nossas atividades e o tempo disponível é o maior indicativo desse fenômeno. Ninguém consegue acelerar sua capacidade de trabalho para acompanhar a aceleração do tempo que é contado nos relógios. O nosso lado esquerdo do cérebro, tão cheio de razão, não consegue com sua lógica entender o que está acontecendo. A nossa percepção de que algo está errado é aguçada pelo hemisfério direito, onde reside a intuição, a criatividade, as emoções.

Quem tem filhos pequenos e adolescentes pode observar esse fenômeno da aceleração no comportamento deles. As músicas que ouvem são cada vez mais aceleradas, marcadas pelo "bate estaca", fazem cinco coisas ao mesmo tempo, como se tivessem conhecimento de que o "tempo" está sendo roubado. Eles procuram aproveitar ao máximo essa nova realidade e abrir os campos da percepção e absorver tudo o que o universo está oferendo. O fim desse ciclo, que segundo as últimas profecias acaba em 2012, deve levar à renovação, um apocalipse diferente daqueles profetizados desde o início dos tempos. As gerações que estão nos substituindo poderão ter uma nova perspectiva, uma nova dimensão para viver, diferentemente da que vivemos até hoje.

domingo, 23 de agosto de 2009

Nazistas e OVNIS, alguém duvida?


Olá amigos! Fiquei uns dias ausente, mas estou de volta!

Quem jamais questionou o poder bélico incalculável e os conhecimentos tecnológicos avançados dos Nazistas?
Há evidências que eles foram adquiridos às custas da troca de conhecimentos tecnológicos com raças alienígenas. Esses conhecimentos já têm sido utilizados desde antes da Primeira Grande Guerra Mundial. Esses conhecimentos fazem parte do "Tesouro Nazista" desde essa época e devem persistir até o advento do quarto Reich.
Há fontes científicas que, durante a primeira Grande Guerra Mundial, os cientistas alemães teriam recebido ajuda secreta de uma raça tutora alienígena com o objetivo de receber conceitos avançados de progressos tecnológicos, filosóficos e culturais.
Exemplos dessa tecnologia adquirida pelos nazistas:
__ Primeira nave híbrida de antigravidade circular como a RFZ-1 construída pela Sociedade Secreta Vril. Outras máquinas foram criadas entre o ano de 1942 e 1943 pelos nazistas, todas funcionando com dispositivos de antigravidade. Entre elas uma estação espacial chamada Andrômeda construída em hangares de Zepelins, próximo de Berlim, com apoio da E4, uma divisão de pesquisa e desenvolvimento ligado à SS.
__A SS (organização paramilitar mais temida, ou seja, polícia secreta alemã) mantem uma base subterrânea em Neu Schwabenland conduzindo experências genéticas que continuam desde a segunda grande Guerra em prosseguimento de um "Pacto Alemão-Nazista-Illuminati" estabelecido com raças serpentes (Annunakis?) muito antes que o governo secreto convencional o fizesse.
__Os conhecidos "Foo Fighters", termo originado das palavras francesas feu (fogo) e fou(insano) com a palavra inglesa Fighter (avião de caça). Esses Foo Fighters, objetos não identificados, eram esferas luminosas que surgiam inesperadamente entre aviões alemães provocando falhas nos radares de bordo dos aviões inimigos. Vejam esse site sobre o Projeto Massey e o site: www.painelovni.com.br.armaspsicologicas.nazistas.
__Projeto Andrômeda: É uma nave projetada pela SSE4 para viagens estelares tendo a capacidade de transporte de mais de 100 toneladas.
__RFZ7t - Vril 1: Atinge velocidade de 11.266 quilômetros/hora e muda de direção instantaneamente.
__V7: Construída em 1945. Nave Nazista considerada a arma de retaliação Nazista. Ela possui 12 motores da jato BMW, alcança altitude de 24.380 metros.
__Outras como VRIL II, Haunebu III, também têm a mesma importância e neutralizam a gravidade.
__Canhão de raios de força, os KraftstrahlKanone, movidos a força Vril, um tipo de energia semelhante a que cito nos meus livros EFEITO EXILLIS.

Infelizmente, o assunto não é questionado e nem é discutido como assunto sério e digno de questionamentos, desde que todas essas máquinas foram construídas na década de 40 e 50. Dá para acreditar? ANABEL

terça-feira, 11 de agosto de 2009

SÍMBOLO DA ORDEM DIABÓLICA SKULL&BONES no Mosteiro São Bento, em São Paulo




Essas fotos foram feitas do meu celular por um amigo, que inclusive me alertou para o detalhe na porta. Essa foto foi tirada no Largo São Bento, na porta principal do Mosteiro de São Bento, em São Paulo, na primeira semana de agosto 2009. Está lá para quem quiser comprovar! É o símbolo de uma das Ordens mais secretas e perversas da história, a Ordem diabólica Skull&Bones.( Ordem Crânios e ossos).
Como pode estar em destaque na porta principal de uma igreja Católica? Alguém pode me explicar essa incoerência?

Segundo wikipédia:
Entre 1831 e 1832, Russell estudou na Alemanha, onde supostamente teria sido iniciado em uma sociedade secreta alemã, a qual teria inspirado a criação da Skull and Bones. Tal hipótese foi confirmada durante obras realizadas no salão de convenções da Skull and Bones. Naquela ocasião foi encontrado material que se refere a Skull and Bones como o capítulo de Yale de sociedade alemã Illuminati. Essa sociedade foi tornada ilegal por efeito de um edito do governo da Bavária, em 1785, continuando entretanto a existir, como uma organização clandestina.

http://oglobo.globo.com/cultura/mat/2007/03/14/294927905.asp

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

PROJETO CAMELOT & EFEITO EXILLIS

Quero alertar todos para esse projeto: PROJETO CAMELOT.

Este projeto consiste em um "vazamento de informações altamente secretas" compiladas sob forma de entrevistas, filmagens, documentos e registros comprovados. Essas informações altamente confidenciais vieram de profissionais de inteligência de vários orgãos militares de defesa e desenvolvimento científico dos Estados Unidos da América e Coréia do Norte, entre outros. Segredos que estão sendo acobertados sob alegação que esses venham desestabilizar a humanidade.

Algumas dessas informações confidenciais vieram de outras fontes como "hackers", que invadiram computadores de agências de inteligência, como foi o caso do britânico Gary McKinnon, que está sendo processado pela CIA, por descobrir informações relevantes e vínculos consolidados entre os Estados Unidos da América com extraterrestres.

As informações vão desde informações catastróficas na Terra previstas para dezembro de 2012, como o impacto do planeta Nibiru com o nosso planeta (informações colhidas em documentos secretos do Vaticano), como vários outros.

Uma espantosa informação é a construção de um sistema subterrâneo de túneis construidos por várias potencias mundiais, que viabilizam o trafego rápido por todo o mundo. Além da construção de cidades subterrâneas com armazenamento de alimentos e medicações, sofisticados sistemas de iluminação e circulação de ar (utilizando recursos como a Gravitação de Newton para ter uma fina atmosfera respirável dentro desses circuítos e cidades subterrâneas). E pergunto para que? Uma "Arca de Noé" sendo construída por algumas nações?
Cito aqui algumas dessas unidades subterrâneas:
___USA subterrâneas locations: DUMBS, localizadas em terrenos de propriedade governamentais, situadas debaixo da Base da Força Aérea de Nellis, ao norte de Las Vegas. Mas nos Estados Unidos há em média 3 DUMBS por estado!
Não se esquecendo da área militar 51, localizada no deserto de Nevasca, EUA, onde há inclusive, corpos de extraterrestres encontrados na ocasição do Caso Roswell e mais todo o arsenal de informações entre militares americanos com seres extraterrestres.
__Suécia: 125,04 km de vias subterrâneas.
__África do Sul: Mina South Rand.

Outras informações do Projeto Camelot? A tecnologia dos militares americanos norte coreanos e dos Estados Unidos da América está 45 mil anos à frente da tecnologia público. Elas foram passadas por contato com extraterrestres. O meu livro EFEITO EXILLIS cita algumas delas, bem como as DUMBS.

O fato é que essas assombrosas informações existem e estão aí sendo divulgadas.
O que me assusta é que, algumas Ordens como Illuminatis e Skull&Bones possuem tais informações e baseadas nelas, traçam estratégias para a instauração da Nova Ordem Mundial.
O meu livro Efeito Exillis aborda uma dessas tecnologias ocultadas pelos Illuminatis.

Existe também outra informação espantosa sobre o controle NECESSÁRIO da população da Terra. Releia isso: Necessário. Isso é revoltante!! Pois é, grandes nações se incumbem de criarem vírus como o vírus da Gripe A, vírus da gripe Espanhola, vírus HIV para que seja eliminada parte da população da Terra. SEgundo informações, foi um dos motivos do assassinato do presidente dos Estados Unidos da América, J. Kennedy, pois ao ter acesso ele se rebelou.

É fato que, somos ignorantes, manipuláveis e alienados a essas informações.
Tentarei expor aqui alguns endereços de youtube sobre essas entrevistas ou documentários: http://video.google.com/videoplay?docid=1743205860549849873&vt=lf&hl=pt-BR
http://br.youtube.com/watch?v=pj-HzHi3dF0
http://br.youtube.com/watch?
http://br.youtube.com/watch?v=Ld8aj_v6pc
http://br.youtube.com/watch?v=QsdVDj4FmK8
http://www.youtube.com/watch?gl=BR&hl=pt&v=sSYXrWIA618&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=6zSrg0IxHzI&feature=related

domingo, 1 de fevereiro de 2009

Os Estados unidos nas mãos dos Maçons


O presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Hussein Obama II, é um maçon pertencente`a Maçonaria "Prince Hall Mason". Na categoria de Príncipe do Real Segredo, Grau 32 do Rito Escocês Antigo .
Prince Hall é o primeiro alojamento maçônico dos EUA, sendo o nome vindo de seu fundador e master, o mais famoso indivíduo na área de Boston durante a Revolução Americana e virada do Século XIX.

Relação dos presidentes dos Estados Unidos que foram ou são Maçons: 1 George Washington (Pres.. 1789-1797) (MM 1753) 2 - James Monroe (Pres. 1817-1825) (MM 1776) 3 - Andrew Jackson (Pres. 1829-1837) (MM 1800) 4 - James K. Polk (Pres. 1845-1849) (MM 1820) 5 - James Buchanan (Pres. 1857-1861) (MM 1817) 6 - Andrew Johnson (Pres. 1865-1869) (MM 1851) 7 - James A. Garfield (Pres. 1881) (MM 1864) 8 - William McKinley (Pres.. 1897-1901) (MM 1865) 9 - Theodore Roosevelt (Pres. 1901-1909) (MM 1901) 10 - William H. Taft (Pres.. 1909-1913) (MM 1901) 11 - Warren G. Harding (Pres. 1921-1923) (MM 1920) 12 - Franklin Delano Roosevelt (Pres. 1933-1945) (MM 1911) 13 - Harry S. Truman (Pres.. 1945-1953) (MM 1909) 14 - Gerald R. Ford (Pres. 1974-1977) (MM 1951) 15 - Barack Hussein Obama II (Pres. 2008-2012)

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

A MAÇONARIA e sua relação com o LIVRO EFEITO EXILLIS

Em 960 anos a.C, Rei Salomão intencionando assegurar um local seguro para a Arca da Aliança contratou os serviços de Hiram Abiff, um construtor líder da comunidade de Qumran, um guardião do Segredo Real, ou seja, o Segredo das Grandes construções, para construir o Templo de Jerusalém.
Assim foi construído o Templo e no compartimento Sanctum Sanctorum foi guardada a Arca da Aliança. Salomão estreitando sua amizade com o grão mestre Hiram Abiff, contratou os serviços dos Qumranos para serem os guardiões da Arca, e assim se tornaram os mantenedores da Pedra Graal, a pedra schethiyâ do Rei Salomão, um dispositivo de levitação que mantinha a Arca da Aliança dez centímetros acima do chão.
Assim se formou a primeira Ordem dos Cavaleiros Templários, os antepassados da Maçonaria Moderna que usaram codificação críptica em secretos Manuscritos decifráveis até hoje, como a explicação pela adoração de Baphomet.
Existem ligações muito fortes entre os Qumranianos, Nazoreanos (seita em que Jesus pertencia) e a Maçonaria, incluindo rituais de grau até proibições de moedas e outros metais durante a iniciação. Nos anais da antiga Maçonaria contém um documento conhecido como Mathew CodeManuscript que diz: "Havia duas espécies de PEDRA de tal virtude, que uma delas nunca queimaria e a outra nunca afundaria em água e será escrito toda a ciência contida nessas..."
Essa Pedra de tal virtude foi entregue para Jesus, especula-se se foi entregue pelos druidas antes de seus onze anos de idade ou foi entregue a ele na ocasião de sua visita ao Templo de Jerusalém, no ano de 30 d.C, sendo ele membro importante da comunidade de Nazoreanos, dando a ele o nome erroneamente interpretado pela Igreja Católica como Jesus de Nazaré. Nazaré não indica o nome de onde Jesus veio, mas a seita que ele pertencia.
Assim, começou a sucessão de custodiadores da Pedra Graal, sendo o próximo custodiador José de Arimatéia, o qual a recebeu das mãos de Jesus momentos antes de sua crucificação. José de Arimatéia ficou em cativeiro aproximadamente 70 anos e devido a Pedra Graal, não envelheceu. Sendo perseguido pela curiosidade das pessoas, fugiu para Glastonbury, onde entregou a Pedra para antecessores do Rei Artur que utilizou a Pedra para confeccionar a Espada de Excalibur, que conferia à espada estranhos poderes. Assim, mais tarde, se deu início aos Cavaleiros da Távola Redonda.
séculos mais tarde, a personagem Valentine do livro Efeito Exillis foi a próxima sucessora da Pedra Graal. A sucessora que terá a missão de divulgar à humanidade os poderes mágicos da Pedra e sua repercussão no avanço da ciência no século XXI.